03/03/2018 17h08

Reunião de pais marca o início das atividades do programa Sol Nascente em 2018

Ribamar Santana / Agência Assembleia

icone-whatsapp
Reunião de pais marca o início das atividades do programa Sol Nascente em 2018

Minha filha descobriu sua vocação aqui, tornou-se mais comunicativa e menos tímida. É um programa esplêndido. Quem dera todos os jovens pudessem participar. O que minha filha é, hoje, deve-se ao programa Sol Nascente”, afirmou emocionada a técnica de enfermagem, Valdinete Diniz Cirqueira, moradora do bairro Carlos Augusto, em Paço do Lumiar.

Ela marcou presença na reunião de pais de adolescentes e jovens realizada, na manhã deste sábado (3), na Associação dos Servidores da Assembleia, no bairro Maiobão, em Paço do Lumiar. O evento marcou a abertura das atividades do programa Sol Nascente, de caráter social, coordenado pelo Grupo de Esposas de Deputados da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão (GEDEMA).

Uyara Geovana Cirqueira da Costa, 13 anos, aluna do Colégio Vocacional “Pão da Vida”, de Paço do Lumiar, participante há três anos do programa Sol Nascente, na oficina de Dança, é a filha de Valdinete Cirqueira. “Minha mãe soube desse programa por uma colega de igreja e graças a Deus conseguiu me colocar aqui. Sou muito feliz por participar desse programa. Adoro dança. Ele está modificando a minha vida”, declarou.

O que é o programa Sol Nascente

O programa Sol nascente é desenvolvido há 13 anos e foi idealizado pelo ex-deputado e presidente da Assembleia, deputado João Evangelista, que deu início a sua implantação em 2005, no bairro da Ilhinha, junto a uma escola comunitária, oferecendo oficinas somente de artes. Um dos seus objetivos é oportunizar aos adolescentes e jovens de famílias carentes, na faixa etária de 9 aos 18 anos, acesso à prática de atividades artísticas e, a partir de 2011, também de esportes.

“Desde 2011 que é desenvolvido aqui, na sede dos Servidores da Assembleia. Nessa nova fase se acrescentou as modalidades esportivas. Neste ano, vamos contar com 147 participantes, meninas e meninos em maior quantidade, do bairro Maiobão e entorno. Contamos com 52 novos alunos e, pela primeira vez, temos uma lista de espera com 32 famílias. A presidente do Gedema, Dra.  Ana Paula, mostrando muita sensibilidade autorizou que aumentássemos o quantitativo de participantes”, esclareceu Cynthia Brito, coordenadora do programa.

Como funciona

Às sextas e sábados, nos turnos da manhã e tarde, os alunos participam de oficinas de Esportes (Futebol, Handebol e Voley) e de Artes (Dança, Canto Coral, Violino e Instrumentos de Sopro). Cada uma dessas modalidades conta com um professor especialista na área e, cada aluno, pode fazer até duas opções. As famílias dos alunos não têm nenhum custo. Tudo é bancado pela Assembleia. O Programa Sol Nascente dispõe do Coral Raios de Sol e de Oficina de Sopro, com participação em vários eventos culturais. O setor Médico da Assembleia assiste os alunos durante suas atividades.

Exames de Hepatite B, C e Sífilis

“Vamos apresentar a nossa equipe de profissionais, nossas regras de convivências, falar do trabalho do GEDEMA e dar as boas-vindas aos pais e nossos alunos. Também, em parceria com o Setor Médico da Assembleia, estamos disponibilizando para todos testes de Hepatite B e C e, ainda, Sífilis. Não podemos deixar de lado a questão da saúde e, sempre que possível, recorremos ao Setor Médico da assembleia que gentilmente nos atende. Formamos todos uma equipe. Tenho muito orgulho do nosso trabalho e agradecemos o apoio que recebemos”, ressaltou Cynthia Brito.

“É uma satisfação muito grande poder contribuir com a formação da cidadania, cultural e artística das crianças e adolescentes da comunidade do Maiobão. Estamos dando uma oportunidade para eles de aprenderem uma atividade como, por exemplo, música. Isto tem agregado muito à formação de cada um deles. Colhemos relatos dos pais dos frutos do nosso trabalho. Isto muito nos orgulha”, disse o acadêmico do curso de Licenciatura em Música da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e Especialista em Gestão Escolar pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Miqueias Aragão, há oito anos participando do programa como professor de Sopro.

Agradecimentos dos beneficiários

Taunay Protásio Veloso, 37 anos, pedreiro, é pai de Tamyres Kathleen Sousa Veloso, 10 anos, uma das novas alunas do Programa Sol Nascente. “Passo sempre aqui em frente, observei o movimento e me informei sobre o que era. Imediatamente, procurei a coordenadora Cynthia e disse que queria colocar minha filha. Graças a Deus consegui. Estou confiante que aqui ela está em boas mãos e será muito bem orientada. Espero que ela possa aprender música, dança.....”, revelou.

Lyann Gustavo Cunha Alves, 11 anos, e sua irmã Aggatha Clayd Cunha Alves, 14 anos, são moradores do bairro Carlos Augusto, em Paço do Lumiar, e também novos integrantes do programa Sol Nascente. “Quero aprender a cantar no Coral e praticar Futebol. Quero aprender e me divertir”, revelou Lyann.

“Aqui a gente se sente bem e recebe muitas orientações. Quero aprender e fazer muitas amizades. Meu pai que trouxe a gente. Gosto muito de dança e quero aprender cada dia mais. Agradeço a oportunidade que estão me dando e quero aproveitá-la ao máximo”, afirmou Aggatha.

“Estou melhorando em todos os sentidos. Sou outra pessoa. O esporte é muito bom. Por mim, eu viveria no programa. A alimentação é boa. Aprendi a comer, porque não comia quase nada, a respeitar e fazer amizades. Aqui aprendi, também, que na vida tudo tem que ter regra”, afirmou Samuel Costa Cardoso, 13 anos, aluno do programa há cinco anos das oficinas de Voley e Violino.

 

 



+ Notícias
banner-ouvidoria
banner-whatsapp

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO MARANHÃO

Palácio Manuel Beckman - Av. Jerônimo de Albuquerque - Sítio do Rangedor - Calhau
São Luis - Maranhão - CEP: 65071-750

TELEFONES ÚTEIS

(98) 3269-3000 | 3269-3001

AGÊNCIA ALEMA