11/06/2019 17h33

Arnaldo Melo defende investimentos em saneamento básico para melhoria da saúde pública

Agência Assembleia

icone-whatsapp
Arnaldo Melo defende investimentos em saneamento básico para melhoria da saúde pública

O deputado Arnaldo Melo (MDB) declarou, na sessão desta terça-feira (11), que a celebração alusiva ao Dia Internacional do Meio Ambiente é um momento oportuno para a reflexão sobre os problemas de saneamento básico como desafios para a melhoria da saúde pública no Brasil.

“Nesta reflexão sobre o meio ambiente, não se pode deixar de lado a reflexão sobre a água, elemento mais importante e imprescindível para nossas vidas. A água de boa qualidade, potável para consumo humano”, frisou o deputado.

Em seu discurso, ele fez referência a dados divulgados pelo Instituto Trata Brasil, sobre os desafios e benefícios da expansão do saneamento básico. De acordo com estatísticas oficiais, o Brasil está entre as dez maiores economias do mundo, mas tem quatro milhões, aproximadamente, de brasileiros sem abastecimento de água e 50% da população não possui coleta de esgoto.

“Em São Luís, nós estamos na penúltima posição, assim como em todo o Maranhão, tanto na captação, tratamento e distribuição de água, no esgotamento sanitário, no recolhimento, condução e acomodação dos resíduos sólidos, como também no tratamento da água pluvial. Esta é a situação agravada do Maranhão. Estamos à frente apenas do Piauí”, afirmou Arnaldo Melo.

Ele acrescentou que a maioria das doenças que afetam as crianças é oriunda da água que elas bebem, das frutas, dos legumes, dos alimentos que não são tratados, ou por meio da pele.

“São tantas doenças, mais as gastroenterites, as viroses, como dengue e tantas outras. Nós temos os registros de que mais de 30% dos municípios brasileiros anotaram, registraram, no ano de 2018, ou endemias, ou epidemias de dengue, chikungunya, zika, gastroenterites, verminoses e tantas outras. Nós estamos no século XXI. Nós não podemos mais conviver com esse tipo de coisa. Isso é coisa medieval”, afirmou o deputado.

Ele assinalou que todos os setores de infraestrutura do Brasil avançaram, de modo que agora o problema do marco regulatório do saneamento básico deve ser tratado com mais seriedade.

“É a vida da gente que está em jogo. Daí o nosso apelo, nesse sentido da situação que o Brasil se encontra, para que possamos manifestar nossa preocupação à nossa bancada de deputados federais, aos nossos senadores, para que estudememos o nosso orçamento do Estado do Maranhão, para saber quanto será direcionado para saneamento básico em 2020. A gente sabe da crise que o país atravessa, a crise econômica e financeira que o Maranhão atravessa, mas é imprescindível, é imperioso que todos os governos, federal, estadual ou municipal, entendam que é imprescindível investir na saúde da nossa população”, ressaltou.

 



+ Notícias
banner-ouvidoria
banner-whatsapp

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO MARANHÃO

Palácio Manuel Beckman - Av. Jerônimo de Albuquerque - Sítio do Rangedor - Calhau
São Luis - Maranhão - CEP: 65071-750

TELEFONES ÚTEIS

(98) 3269-3000 | 3269-3001

AGÊNCIA ALEMA