30/09/2020 13h39

Sementinha discute retorno dos alunos da pré-escola às aulas presenciais durante reunião com pais

Agência Assembleia

icone-whatsapp
Kristiano Simas / Agência Assembleia
Sementinha discute retorno dos alunos da pré-escola às aulas presenciais durante reunião com pais
Cynthia Vieira dá detalhes dos procedimentos de biossegurança adotados pela Creche-Escola Sementinha para receber os alunos da educação infantil no retorno às aulas presenciais

A direção da Creche-Escola Sementinha, mantida pelo Grupo de Esposas de Deputados do Maranhão (Gedema), reuniu, na manhã desta quarta-feira (30), pais de alunos para articular o retorno das aulas presenciais da pré-escola I e II, que acontecerá na próxima semana, obedecendo ao limite de estudantes por sala e seguindo as medidas de biossegurança.

Na ocasião, a diretora pedagógica da creche, Cynthia Vieira, explicou detalhes da ampliação da flexibilização das regras para a educação infantil, determinadas em razão da pandemia de Covid-19. Conforme a Medida Provisória 934/2020, as instituições de educação infantil são dispensadas de cumprir os 200 dias obrigatórios do ano letivo e a carga mínima de 800 horas, como consta da Lei 9.394, de 1996.

Medidas de proteção

A diretora tratou, ainda, da Portaria 47, de 23 de julho de 2020, do Governo do Maranhão, que aprova o protocolo específico de medida sanitária segmentada para o retorno das aulas presenciais nas escolas e instituições da rede privada no Maranhão. Na reunião, foi ressaltada a estratégia de organização da escola no que diz respeito às questões referentes aos protocolos de proteção, além dos procedimentos que os pais precisarão adotar.

Os alunos terão a temperatura aferida e deverão higienizar as mãos antes de iniciarem as atividades. Um tapete com solução sanitizante foi colocado na porta do prédio, bem como na entrada das salas de aula. Os pais, por sua vez, terão de garantir que as crianças levem duas máscaras e sacos plásticos, para acondicioná-las após o uso, além de garrafa ou copo plástico.

Será responsabilidade dos pais comunicar à direção os casos suspeitos ou confirmados de Covid-19 na família, sendo necessário manter o isolamento domiciliar por 14 dias. Considerando o risco de acidentes, como ingestão e consequente intoxicação ou combustão (acidental ou provocada), as crianças não deverão levar álcool em gel nas mochilas.

Gilson Penha, pai da aluna Sara Isadora, da pré-escola I, garantiu que está tranquilo. “Já tenho um filho no 3° ano e, até então, não tivemos problemas. A escola está sempre passando muita segurança e ultrapassando nossas expectativas. Ainda que com restrições, acreditamos que será um retorno bem-sucedido”.

Aulas remotas

Foi informado que a escola permanecerá com as aulas virtuais caso os pais ainda não tenham segurança sobre o retorno dos filhos às atividades presenciais, além da possibilidade de ser adotado o ensino híbrido, que combina aulas presenciais e online.

 “As professoras continuarão disponíveis para os encontros online, de modo que continuem tendo contato visual com a criança, dialoguem e levem informações de cunho pedagógico”, explicou Cynthia Vieira.

 

 



+ Notícias
banner-ouvidoria
banner-whatsapp

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO MARANHÃO

Palácio Manuel Beckman - Av. Jerônimo de Albuquerque - Sítio do Rangedor - Calhau
São Luis - Maranhão - CEP: 65071-750

TELEFONES ÚTEIS

(98) 3269-3000 | 3269-3001

AGÊNCIA ALEMA