06/10/2021 - Tempo dos Blocos Wellington do Curso Wellington do Curso

Carlos Welington

Aniversário: 27/09
Profissão: Professor e Empresário

Discurso - download do áudio



O SENHOR DEPUTADO WELLINGTON DO CURSO (sem revisão do orador) - Senhor Presidente, demais membros da Mesa, senhoras e s senhores deputados, imprensa, internautas, telespectadores que acompanham por meio da TV Assembleia. Governo Flávio Dino, gestão do Governador Flávio Dino só escândalo, um escândalo em cima do outro, só escândalo. Estamos batendo aqui numa tecla cobrando informação do Governo do Estado e já protocolamos solicitações da MOB e da EMAP, foram sete ofícios solicitando informações e requerimentos nesta Casa sobre a possível fraude na licitação do ferry do Cujupe/Ponta da Espera. Direcionamento de empresa, os requisitos básicos não foram cumpridos, mas a empresa ganhou, foi direcionando. Um montante de um bilhão e quinhentos milhões, ao longo de 20 anos, prorrogados por mais 20 anos e totalmente direcionado, possibilidade de fraude, possibilidade de corrupção, possibilidade de propina, já tendo em vista as eleições de 2022 para eleger deputado federal e deputado estadual, envolvimento de secretário, envolvimento de deputado federal, envolvimento de empresa atolada até o pescoço em corrupção, em direcionamento de obras no governo Flávio Dino. A empresa que ganhou tem balsa no Pará, não tem know how, não tem expertise. O governo faz intervenção, pega as embarcações locais, devolve perto das eleições em 2020, faz intervenção novamente no final do não e agora, o governo quer reformar embarcação privada, vai gastar de 20 a 30 milhões, propina para todo lado, corrupção para todo lado, e vai fazer isso para quê? Para depois pegar esses 04 ferries, pegar esses ferries e dar para a empresa que ganhou, que não tem ferry? Tem dedo de secretário, tem dedo da Sinfra, tem dedo da Terra Mata. Senhoras e senhores, o Ministério Público precisa investigar. O Tribunal de Contas do Estado precisa investigar. Protocolamos 07 documentos, documentos solicitando informações à MOB, documentos solicitando informações à EMAP, para tenham a oportunidade de se explicar e inclusive nós estamos solicitando cópia integral da licitação, do processo licitatório, cópia integral. Todas as atuações da MOB, nos últimos 12 meses, e todos os mapas de tráfego pela EMAP, vamos nos detalhar, vamos fiscalizar, na íntegra. Possibilidade de fraude de corrupção no transporte, na licitação de transporte de ferry no Estado do Maranhão. E eu espero aqui o posicionamento do governo, da base do governo e também dos requerimentos que apresentamos. Segundo, denunciamos há dois anos o cabide de emprego, a verdadeira... É brincadeira! Denunciamos aqui o supersalários da Caema, denunciamos, batemos em cima, Ministério Público vai e arquiva, cheio de denúncia, novamente, próximo da eleição, cheio de denúncias novamente, salários de R$ 10, 12, 13 mil, cheios de advogados, o atual diretor da CAEMA é advogado do PCdoB, denúncias direto, estamos com a relação de vários salários, de supersalários na CAEMA, a partir de amanhã, eu vou voltar a denunciar novamente e vou denunciar novamente ao Ministério Público, ao Tribunal de Contas, alguém precisa fazer alguma coisa. Mas, Deputado Wellington, qual o limite das nossas ações? Nós podemos fazer na tribuna da Assembleia e podemos provocar os órgãos de fiscalização e controle: Tribunal de Contas, Ministério Público, fora isso não tem o que fazer, é se esgoelar aqui, é denunciar, é criticar, é ir para cima. Mas, Deputado Wellington, V. EXª está falando de altos cargos, altos salários? Meus amigos, nesse exato momento enquanto tem gente mamando nas tetas da Caema, se beneficiando dos altos salários da Caema, uma população enorme com falta de água em mais de 100 bairros de São Luís, na periferia, no Centro, Rua do Giz, uma das ruas mais bonitas do mundo, está sem água há uma semana. Mais de cem bairros na periferia, a população carregando lata d’água na cabeça, praias poluídas, não tem balneabilidade nas praias, e a Caema cheia de cabide de empregos. Isso é um absurdo, um verdadeiro absurdo! Estamos iniciando a pauta, denúncia, cobrança, e vamos inclusive solicitar a possibilidade de CPI, se for o caso. Não é possível, o idoso, uma senhora gestante, uma mulher parida, sem ter nem água para cozinhar, muito menos para lavar uma fralda, lavar uma roupa, alguma coisa em casa, é uma vergonha! Essa herança maldita que o governador Flávio Dino vai deixar, a herança maldita que Flávio Dino vai deixar: aumento de impostos, insegurança, falta de água na casa das pessoas, cargos comissionados, já denunciei aqui no Detran, verdadeiro cabide de emprego, nepotismo, uma farra, um escárnio, é o que eu tinha para o momento, Senhor Presidente.

+ Notícias
banner-ouvidoria
banner-whatsapp

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO MARANHÃO

Palácio Manuel Beckman - Av. Jerônimo de Albuquerque - Sítio do Rangedor - Calhau
São Luis - Maranhão - CEP: 65071-750

TELEFONES ÚTEIS

(98) 3269-3000 | 3269-3001

AGÊNCIA ALEMA